Perfil do LinkedIn – 4 Boas Dicas Para Tirar o Máximo Dele

2 12 2010

OK, você já está com seu perfil no LinkedIn. Mas está está se perguntando o que fazer agora. Ou talvez você esteja no LinkedIn há algum tempo e e fique pensando: “Por que para mim não funciona?”

 

Bem, quero dividir com vocês um pouco de minha experiência neste site e dizer o que acredito serem quatro boas sugestões para melhorar sua experiência no LinkedIn e tirar o máximo proveito do seu perfil:

 

Adicionar uma imagem

Networking é pessoal! Lembre-se que você está fazendo uma ligação com outro ser humano e faz parte de uma ligação pessoal poder “ver” com quem você esta se conectando. Com tantos perfis falsos, tantos spammers, etc, é normal que as pessoas fiquem desconfiadas quando são contatadas por alguém a quem elas não possam “ver”. Por que não mostrar a eles quem você é e fazer essa ligação mais “pessoal” de rede? Mas cuidado: este site é profissional! Nada de fotos na praia, no bar, sem camisa, etc… Deixe estas fotos para o Facebook ou para o Orkut.

 

Agarre seu próprio URL

Em vez de ter o URL padrão que o LinkedIn atribui automaticamente para você, personalize o seu URL! Meu URL por exemplo é http://br.linkedin.com/in/jorgepontual. Se alguém procura por meu nome, vai me encontrar no topo. Certifique-se de que você está fazendo o máximo por seu perfil e que ele é fácil de localizar.

 

BRAND o título de seu perfil

Branding (Gestão de Marcas) é o trabalho de construção e gerenciamento de uma marca junto ao mercado. Frequentemente os usuários verão apenas uma versão abreviada do seu perfil. No LinkedIn seu título é a sua marca e lhe dá a chance de resumir sua identidade profissional em poucas palavras. Eu, por exemplo, coloquei “Sales and Marketing Management | Sales Team Development | Commercialization Strategist | MBA Professor | Speaker”. É isso que eu faço de melhor, então eu quero que as pessoas saibam disso. Dê a si mesmo um título profissional. Suas principais competências são o que você faz de melhor e você deve utilizar esta informação. Se você é um profissional de RH, tenha certeza de que isso está em sua “manchete”. Criar uma declaração pessoal de branding pinta um retrato muito claro sobre o que você faz e quem você é.

 

Marcar seu perfil

Crie um resumo com palavra-chave ricas, que apresentem suas realizações, competências e valores. Não basta dizer-lhes o que você pode fazer. “Mostre” a eles o que você pode fazer, destacando as realizações do passado. Os empregadores querem saber como você pode preencher as suas necessidades e, pricipalmente, se você vai agregar valor à organização. Então, esforce-se para dar-lhes as informações de que necessitam no resumo de sua carreira. Você sempre poderá expandir suas responsabilidades no âmbito de cada carreira que você listou (na descrição completa, mais abaixo), mas antecipe o resumo de sua carreira com as informações mais importantes e convincentes para manter on interessados lendo até o fim.

Acredito que aplicando estas sugestões você poderá melhorar bastante a eficiência de seu perfil do LinkedIn, facilitando para que os interessados encontrem bons profissionais como você.

E se você ainda tem dúvidas se vale a pena investir tempo nisso, saiba que as empresas brasileiras são as que mais utilizam redes sociais no processo seletivo.
Veja a matéria completa no link http://lc4.in/kPyz

Mãos à Obra!

Boa Sorte!

http://jobbrazil.blogspot.com/search?updated-max=2010-10-08T08%3A49%3A00-07%3A00&max-results=5


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: