Corollas fabricados a partir de 2008 terão recall no Brasil

26 04 2010

A Toyota anunciou que as unidades do modelo Corolla que estão envolvidas no recall do tapete do motorista foram fabricadas a partir de abril de 2008. Serão convocados para o reparo, os modelos Corolla nova geração.

Na sexta-feira, o Procon de São Paulo anunciou que a montadora japonesa havia chegado a um acordo com o Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) para realizar possíveis reparos no tapete do motorista, que, se fixado errado, pode afetar o retorno do pedal do acelerador.

Segundo a Toyota, a utilização de tapetes que não sejam os originais fornecidos pela fábrica podem ocasionar no mesmo problema.

Embora tenha concordado em realizar o recall, a empresa afirma que o Corolla nova geração produzido no Brasil não apresenta qualquer risco ou defeito que possa vir a causar aceleração involuntária.

A Toyota diz que nos próximos dias informará diretamente cada um dos proprietários dos veículos Corolla nova geração fabricado a partir de abril de 2008, sobre os procedimentos a serem adotados, assim como fará ampla divulgação das ações que envolvem essa campanha.

No início deste mês, a Toyota anunciou um recall de 12.984 veículos na Coreia do Sul em decorrência de problemas com a fixação do tapete ao assoalho nos modelos Lexus ES350, Camry e Camry Hibridus.

http://not.economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201004261556_RED_78919995


Ministério Público proíbe venda do Toyota Corolla em Minas

Atualizada às 8h14

O Ministério Público de Minas Gerais determinou na quarta-feira a suspensão das vendas do veículo Toyota Corolla, após alguns modelos apresentarem problema de aceleração contínua causado pela falta de fixação do tapete ao assoalho.

A decisão, tomada por meio do Procon Estadual e assinada pelo promotor de Justiça de Defesa do Consumidor Amauri Artimos da Matta, vale a partir desta quinta-feira para todo o Estado de Minas Gerais.

Segundo informações disponíveis no site do ministério, foram relatados nove casos de veículos que apresentaram problemas de aceleração contínua, o que, de acordo com o Procon, coloca em risco a vida de pessoas.

Conforme o documento, a falta de fixação do tapete está discriminada no manual de instruções do veículo, mas a informação não é repassada ao consumidor no momento da compra e não está visível no interior do veículo, não atendendo as exigências do Código de Defesa do Consumidor.

Ainda segundo o Ministério, as vendas do modelo serão liberadas “quando o fabricante adotar medidas que impeçam a troca do tapete original de fábrica e após ter efetuado a troca dos tapetes dos veículos em circulação”.

No início deste mês, a Toyota anunciou um recall de 12.984 veículos na Coreia do Sul em decorrência de problemas com a fixação do tapete ao assoalho nos modelos Lexus ES350, Camry e Camry Hibridus. Em contato com o Terra, a assessoria da Toyota afirmou que a empresa ainda não se posicionou oficialmente sobre a decisão.

Com informações da Reuters.

http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201004220043_RED_78911537



Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: