Como abastecer seu carro com qualidade

16 04 2010

A qualidade dos combustíveis no país é uma preocupação para todos os brasileiros que possuem carro. A ANP (Agência Nacional de Petróleo), como todas as regulamentadoras, não fiscaliza de forma correta a qualidade dos combustíveis vendidos nos postos de gasolina. Tudo bem que não há uma maneira de fiscalizar os postos por 24hrs por dia, mas deveria-se ter mais fiscais e rotas definidas para serem feitas e assim garantir o mínimo de qualidade nos postos.

Por várias vezes eu soube que alguns postos eram lacrados e obrigados a não vender combustível, por causa da má qualidade e/ou da adulteração da bomba de combustível, e simplesmente deslacraram e continuaram a trabalhar normalmente, com o combustível ruim. E o mais grave nisso, é que a ANP não volta para verificar se o posto continua lacrado e correndo atrás para regularizar o seu problema.

posto_gasolina

Veja algumas dicas de como abastecer com mais segurança:

Evitar postos sem bandeira ou com combustível barato demais – Não podemos condenar todos os postos sem bandeira de terem combustível ruim, mas como para a maioria deles a afirmação é verdadeira, os que não fazem levam a fama. Os postos com bandeira levam a marca (Petrobras, Ypiranga, Shell, Esso, Forza, Texaco, etc) e por isso são cobrados pela qualidade do seu combustível.

Abasteça preferencialmente no mesmo posto – Já ouviu falar no ditado “Em time que está ganhando não se meche”, então se o abastecimento é de qualidade e o combustível não apresentou problemas mantenha o abastecimento nesse posto. Preferencialmente escolha um posto que esteja no seu caminho diário e com preço compatível com o esperado.

Não abastecer quando o posto estiver sendo reabastecido pelo caminhão tanque – Essa dica é simples, se o posto está sendo reabastecido a quantidade de partículas (sujeira) que vai estar sendo misturada ao combustível é bem maior por causa da agitação causada pelo reabastecimento. Sem contar a perda de pressão pelo reservatório aberto.

Encher o tanque antes que este baixe da metade – Além de poupar a sua bomba de combustível de superaquecimento e possíveis falhas, você evita a formação de ar e que a gasolina se evapore do tanque.

Encher o tanque pela manhã cedo – A temperatura ambiente e do solo é mais baixa, e como todas os postos têm os seus depósitos enterrados, a densidade da gasolina vai ser menor. Com isso o abastecimento será o real, onde 1 litro equivale realmente a 1 litro de gasolina.

Álcool ou Gasolina – Para os carros Flex é importante que o preço do álcool Hidratado esteja menor que 70% do valor da gasolina. Ou seja, você deve pegar o valor da gasolina e multiplicar por 0,70, caso o valor do álcool seja menor que o valor calculado, pode colocá-lo que ele apresenta mais vantagem que a gasolina.

Além das dicas de abastecimento, dadas acima, é super interessante que você verifique se o seu carro está economizando combustível. Para isso dê uma lida na postagem Como gastar menos na hora de abastecer.

combustivel-no-brasil

Alias, o preço do combustível no Brasil deveria ser bem menor para o consumidor final, pois o governo federal e o estadual abocanham uma grande parcela do valor final com os impostos. Além disso, o governo não pretende diminuir o preço dos combustíveis depois que o pré-sal estiver em produção e atingirmos a auto-suficiência em termos de petróleo e gás. Entenda como funciona a composição do valor final da gasolina no Brasil:

A Gasolina é composta de 80% de Gasolina A (pura) e 20% de álcool:

800ml de Gasolina A (vendida pela Petrobras) = R$0,80
200ml de Álcool Anidro = R$0,24

O que gera um total de R$1,04 por Litro de gasolina, isso é o preço sem impostos e lucros. Ai vamos ver o valor dos impostos.

CIDE – PIS/COFINS (Imposto Federal) = R$ 0,44
ICMS (Imposto Estadual)  = R$ 0,64
TOTAL DE IMPOSTOS (104% do Preço Bruto) = R$ 1,08

Com isso já temos a composição do preço com os impostos, que é de R$2,12. Vamos acrescentar o lucro das empresas (até porque ninguém trabalha de graça.

LUCRO DA DISTRIBUIDORA (Média por Litro)= R$ 0,08
FRETE (Média por Litro)  = R$ 0,02
LUCRO DO POSTO (Média por Litro) = R$ 0,25

O que traz um valor na bomba de R$2,47, aproximadamente. Esse valor é mais ou menos o que é praticado no Rio de Janeiro, que está entre 2,49 e 2,69 para a gasolina comum.

O grande problema é o seguinte: Suponhamos que você consuma 200 litros de gasolina por mês. O seu gasto seria de R$494,00, para esse vaor de gasolina, e o lucro ficaria dividido da seguinte forma:

O posto de gasolina ganharia R$ 50,00, o dono do caminhão ficaria com 4,00, a Petrobras que investiu e ralou para tirar o combustível ficaria com R$16,00 e o governo que nada fez na história toda fica com, a maior parte do bolo, R$216,00.

Assim como no IPVA, que hoje não é utilizado para a sua devida função, o governo utiliza esse dinheiro de forma errada e não destina nada a melhoria das estradas, ruas ou educação no trânsito. Acho que chegou a hora do povo acordar e começar a reivindicar por menores impostos em algumas áreas ou o investimento correto desses impostos.

http://www.thebest.blog.br/category/automotivo/


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: